×

Croácia elimina a Rússia após empates no tempo normal e na prorrogação


Croácia elimina a Rússia após empates no tempo normal e na prorrogação

Em um jogo embalado por emoção, drama, lágrimas e muitos aplausos no fim, a Croácia derrotou a anfitrã Rússia por 4 a 3 nos pênaltis e chegou mais uma vez às semifinais de uma Copa do Mundo, coisa que não acontecia desde a primeira vez que disputou um Mundial como país independente da ex-Iugoslávia. Após empate no tempo normal por 1 a 1, e outro empate por 1 a 1 na prorrogação, o time xadrez voltou a se dar bem nas cobranças de pênaltis - já tinha eliminado a Dinamarca assim - em um Estádio de Sochi lotado de torcedores russos. Agora, vai enfrentar a Inglaterra, tentando superar a equipe da Copa de 1998, quando perdeu para a campeã França na semifinal, mas terminou em terceiro lugar ao derrotar a Holanda em seguida. A Rússia deixou a competição triste, sob lágrimas, depois de conseguir heroicamente levar a decisão para os pênaltis, mas bastante aplaudida pela torcida, se despedindo de um Mundial de sucesso de público, e com a melhor participação desde o fim da União Soviética - desde 1994 não saía da fase de grupos.

Cheryshev abriu o placar para a Rússia no primeiro tempo, com um chutaço de perna esquerda, chegando ao seu quarto gol na competição. Kramaric igualou logo em seguida, testando após contra-ataque croata. Na prorrogação, Vida se aproveitou de cobrança de escanteio e virou o jogo. Mas o brasileiro naturalizado russo Mário Fernandes levou o jogo para as cobranças de penalidades.

Smolov, em defesa de Subasic, e Mário Fernandes, para fora - logo ele, que levou a decisão para as cobranças -, desperdiçaram para os russos. Do lado croata, apenas Kovacic chutou para a defesa do goleiro Akinfeev. Rakitic garantiu no último pênalti ao marcar para o time xadrez.

  • Na terça-feira, às 15h (de Brasília), em São Petersburgo, França e Bélgica decidem quem será o primeiro finalista da Copa do Mundo de 2018. Na quarta, no mesmo horário, no Estádio Olímpico Lujniki, Inglaterra e Croácia fazem o outro duelo.
     

    • Foi a dona da casa Rússia quem começou a partir para cima logo nos primeiros minutos. Aos quatro minutos, o grandalhão Dzyuba pegou um rebote dentro da área e soltou uma bomba que explodiu no zagueiro Vida. A Croácia reagiu em seguida, com uma cabeçada de Rebic que passou por cima do travessão. Perisic também desviou de cabeça um cruzamento de Vrsaljko, e desta vez, a bola passou pelo lado direito do goleiro Akinfeev.
       

      O gol russo saiu aos 30 minutos, depois que Dzyuba tocar da intermediária para Cheryshev, artilheiro da equipe anfitriã. Ele recebeu na entrada da área e, de perna canhota, mandou uma bomba no ângulo direito do goleiro Subasic. Um golaço e uma bbeada de marcação dos meias Rakitic e Modric, Barcelona e Real Madrid, recpectivamente.

       

       

    •  

     

  •  

Autor: ,postado em 07/07/2018


Comentários

Não há comentários para essa noticia

Mande uma Resposta