×

Médico prudentino é penta com o Brasil na Copa América de futebol de 7


Médico prudentino é penta com o Brasil na Copa América de futebol de 7

Que os estudos, a competência e o talento para coisa ajudam muito em qualquer profissão, ou melhor, são essenciais, isso com certeza. Mas melhor ainda é quando o lado pé-quente dá aquela ajudinha para sorte (e para o trabalho) e faz o resultado dos esforços atravessar fronteiras. Seguindo esse caminho, o médico prudentino Breno Casari fez parte da comissão técnica da seleção brasileira de futebol de 7 (para paralisados cerebrais), pentacampeã da Copa América neste último final de semana, em Quito, no Equador. A primeira experiência internacional da carreira fez com que Breno trouxesse para o Oeste Paulista não somente a taça de penta, mas lições de vida que jamais serão esquecidas.

– Só para quem está lá para descrever. Ainda mais pelo fato de estar com jogadores com paralisia cerebral. Com eles, a educação, o respeito é outra coisa, diferente do atleta convencional. Recebi várias mensagens de agradecimento deles. Isso vale mais do que medalha. Não fica mais difícil, fica mais fácil.

Em sua 1ª experiência internacional, Breno ajudou o Brasil a conquistar a Copa América de futebol de 7 — Foto: Breno Casari / CedidaEm sua 1ª experiência internacional, Breno ajudou o Brasil a conquistar a Copa América de futebol de 7 — Foto: Breno Casari / Cedida

Em sua 1ª experiência internacional, Breno ajudou o Brasil a conquistar a Copa América de futebol de 7 — Foto: Breno Casari / Cedida

O trabalho do médico prudentino junto ao Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) começou há cerca de seis anos. Outros convites para a participação em eventos internacionais foram feitos, mas as viagens precisaram ser postergadas. Entre os trabalhos locais, estão as Paralimpiadas Escolares de 2017.

Porém a vivência profissional de Breno com o esporte começou há 16 anos, logo após formado. No currículo do médico, estão trabalhos realizados junto ao extinto Oeste Paulista Esporte Clube (Opec) e o Grêmio Prudente, onde desempenhou também funções administrativas.

E, assim como no clube prudentino, Breno aproveitou o tempo em Quito para mostrar talento em outra função. Além de colaborar com outras seleções que não puderam contar o próprio médico, o prudentino fez a vez de fotógrafo e assessor de imprensa da equipe, registrando os momentos dos brasileiros em solo equatoriano.

Com a conquista da Copa América, o Brasil está garantido no Mundial da modalidade, que será realizado em julho, em Madrid, na Espanha. O Brasil ainda tem uma outra competição internacional importante no calendário de 2019. Em setembro, serão realizados os Jogos Parapan-Americanos, em Lima, no Peru.

– A ideia é que eu fique permanentemente. Assim, eu estaria nos períodos de treinamentos que serão realizados durante o ano e nas competições internacionais – falou sobre os planos para 2019, que ainda serão conversados com o CPB.

O futebol de 7 está fora do cronograma dos Jogos Paralímpicos de Tóquio, em 2020. Entretanto existe a possibilidade de que a modalidade integre os Jogos de 2024, em Paris.

Para o médico prudentino, gratidão mostrada pelos atletas foi o mais importante — Foto: Breno Casari / CedidaPara o médico prudentino, gratidão mostrada pelos atletas foi o mais importante — Foto: Breno Casari / Cedida

Para o médico prudentino, gratidão mostrada pelos atletas foi o mais importante — Foto: Breno Casari / Cedida

Campanha em Quito

O Brasil foi campeão invicto na disputa realizada no Equador, que começou no dia 25 de outubro e foi até o último domingo (4) e contou com oito seleções. Na fase de grupos, os brasileiros venceram o Chile, a Colômbia e o Canadá. Nas semifinais, vitória sobre os Estado Unidos. E, na decisão, vitória sobre a Argentina, que havia chegado à final também de forma invicta.

– Foi muito bom todo o resultado do trabalho, pois não tivemos nenhuma ocorrência. Ainda mais considerando o curto tempo de aclimatação (Quito possui uma altitude de cerca de 2.800m). Seleções como os Estados Unidos, fizeram 15 dias. E conseguimos a taça.

Autor: ,postado em 07/11/2018


Comentários

Não há comentários para essa noticia

Mande uma Resposta